terça-feira, 6 de abril de 2010

O amor, é outra coisa!

O amor é outra coisa…
O amor não é algo que o faz sair do chão e o transporta para lugares que você nunca viu. O nome disso é avião.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que você esconde dentro de si e não mostra para ninguém. Isso se chama vibrador tailandês de três velocidades.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que te faz perder a respiração e a fala. O nome disso é bronquite asmática.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que chega de repente e o transforma em refém. Isso se chama sequestrador.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que voa alto no céu e deixa sua marca por onde passa. Isso se chama pombo com caganeira.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que você pode prender ou botar pra fora de casa quando bem entender. Isso se chama cachorro.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa cinza que lançou uma luz sobre ti, o levou para ver as estrelas e o trouxe de volta com algo dele dentro de você. Isso se chama alienígena.
O amor é outra coisa.

O amor não te deixa eternamente ligado a uma pessoa. O nome disso é gravidez.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que desapareceu e que, se encontrado, poderia mudar o que está diante de você. Isso se chama controle remoto da TV.
O amor é outra coisa.

O amor não faz você vestir as melhores roupas e sapatos. O nome disso é entrevista de emprego.
O amor é outra coisa.

O amor não nos faz perder a noção do tempo. O nome disso é horário de verão.
O amor é outra coisa.

O amor não faz você chorar sem motivos. O nome disso é cebola.
O amor é outra coisa.

O amor não te leva por caminhos tortuosos e te assusta de vez em quando. O nome disso é trem fantasma.
O amor é outra coisa.

O amor não te enche de flores. O nome disso é funeral.
O amor é outra coisa.

O amor não renova suas energias e cura seus males. O nome disso é Cogumelo do Sol.
O amor é outra coisa.

O amor não faz você se sentir sempre acompanhado. O nome disso é encosto.
O amor é outra coisa.

O amor não é uma coisa que o espreita todas as noites nas ruas escuras da cidade. O nome disso é Batman.
O amor é outra coisa.

O amor não dá um norte na sua vida. O nome disso é bússola.
O amor é outra coisa.

3 comentários:

Marcelo Carvalho disse...

O amor é algo tão sutil e sublime que nunca seremos capazes de explicar, até pq confundimos o amor com paixão. Amor é o que sentimos por pessoas queridas e não nos aprisiona a ninguém, essa outra coisa que sentimos por alguém e que nos faz acreditar que estamos ligados a alguém para sempre sendo donos dela é outra coisa bem mesquinha ....

Marcelo Carvalho

Depois passa no meu http://blogdomarcelocarvalho.blogspot.com

disse...

Eu ri! Alto, bem alto... haha

É amigos, o amor é outra coisa, definitivamente! haha

Penélope disse...

O amor é dar liberdade pro outro.
É poder construir um futuro juntos.
O amor é amar a si mesmo depois o outro...